quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

O gigante adormecido


Há muito adormecido, não morto, apenas dormindo. Imóvel em seu leito eterno. A boca já não esbraveja mais, não despeja ira. Será mesmo que dorme? Parece que não vê! Mas será mesmo? Ou seu aparente sono camufla um estado de alerta. Finge para surpreender aos que o rodeiam? Então, na hora que menos esperam ele despertará com toda força, imponente. Sua palavra vai cobrir todos que dele zombaram, que não lhe respeitaram. E quando será? Será em breve? Talvez. Tudo depende dele, da sua vontade ou de Outro bem maior. O jeito é aguardar, esperar pelo resultado. A aposta é certa mas o sorteio ainda terá sua data escolhida. O gigante dorme. E quem é o gigante? Serei um rei? Um dragão? Talvez um vulcão!? Não interessa...Aquele que ficar no meu caminho sucumbirá. Se é que sabe o quão justo posso ser então sabe que nada pode impedir a natureza de minhas ações. São inconstantes e imprevisíveis. Nada podes fazer a não ser não ficar. Aquele que ousar pagará o preço alto que nem todas as suas economias, por maiores que sejam, poderão cobrir. Sai do caminho e faz o que digo e então tudo ficará bem.

domingo, 3 de outubro de 2010

Eleição



Ignorante é aquele que acredita em alguma inocência no meio político. Dentre as batalhas travadas no cenário eleitoral temos uma nítida noção da completa separação entre os partidos. Tolice! Acha que alguém pode comandar um estado, país ou conseguir a aprovação de alguma lei sozinho? Oposição contra base aliada ou base aliada e oposição? É isso mesmo! No fim todos eles estarão juntos recebendo as nossas custas e brincando de monópoli. Dutos e cuecões dentro e fora do governo, pois como os que estão atentos perceberam não é o partido ou a tendência (oposição ou base alida do governo) que determina o caráter dos candidatos, pois ambos estavam "participando ativamente" dos últimos escândalos políticos. Os aspectos mais importantes e ainda assim esquecidos são os problemas da população. Ah sim, o povo! Mas parece que muito político faz questão de ter Mal de Alzheimer para não lembrar de nós!


Coloque a mão na sua consciência! Não faça guerra com seu vizinho por causa de tendência políca pois no final o que vale é o que você acredita ou não acredita. Não seja hipócrita! Muitas pessoas vendem o voto e não são poucas não. Todos tem interesses e cada um sabe de seus problemas. Elegem gente de caráter duvidoso, tudo bem, mas que pelo menos não chorem por mais quatro anos! Saibam que aquelas melhorias que são a mercadoria de venda das eleições podem não acontecer. Saibam que as filas no Sistema Único de Saúde irão continuar, que a violência vai aumentar independente de quem for eleito. Isso tudo porque estamos no Brasil!? Claro que não! Isso é um fato da vida em sociedade e do resultado da destruição da unidade básica que estabelece essa estrutura, a família! O sistema determina os problemas!? Capitalismo, Comunismo, Socialismo...são tantos ismos mas no final acaba sempre com alguém se dando bem e muitos se dando mal. Reflitam! Na hora de votar escolha aquele que quiser pois no final o que vier é lucro e o que não vier, bem paciência e até a próxima eleição!